top of page
  • Foto do escritorRev. Luiz Henrique

Aquietai-vos [Salmos 46]

aquietai-vos-salmos-46

INTRODUÇÃO

Este é, sem dúvida, um dos Salmos mais lidos por todos nós. Neste salmo encontramos palavras de conforto e segurança para nossas vidas. Somos motivados e incentivados a confiar no Senhor dos exércitos, que está conosco.

Em uma época de crises financeiras, onde o desemprego ou o baixo salário se tornam um pesadelo a cada dia; este salmo nos traz a segurança de que estamos guardados e protegidos no Senhor, que nos ajudará desde antemanhã.

Em tempos difíceis como este em que vivemos, podemos descansar no Senhor, sabendo que Ele continua sendo o mesmo Deus; assim como foi com Jacó no passado, Ele continua sendo refúgio para os aflitos de espirito hoje.

Em momentos de tribulações, onde somos assolados pelo desânimo e abalos que a vida compartilha conosco, podemos ter a certeza que Deus é o nosso refúgio e fortaleza e está bem presente nas tribulações.

Este salmo pode nos trazer conforto e segurança para uma vida neste mundo, alicerçada em Deus. A grande mensagem que este salmo nos traz é que Deus está conosco, e por isso precisamos manter nosso espirito confiante n’Ele, sabendo que só assim poderemos responder ao chamado do salmista quando nos diz “Aquietai-vos”. Este chamado está associado à fé e confiança em Deus, pois é o Senhor dos exércitos que está conosco.

Este salmo também nos apresenta uma promessa messiânica. Uma mensagem escatológica é dita nestes versos. A informação que recebemos é que “Deus está conosco e nos ajudará desde antemanhã”. Também somos informados de que, por mais que as nações e os reinos se abalem e a terra se dissolva, Deus é exaltado entre as nações e na terra; pois Ele é o SENHOR. Ele continua conosco na pessoa de Seu Filho Jesus Cristo, o Emanuel – Deus conosco.

Para entendermos melhor as palavras deste salmo, precisamos voltar ao seu contexto, tendo em vista que este salmo é um cântico de louvor ao Senhor dos exércitos; também podemos perceber que há uma forte declaração de que este mesmo Senhor peleja por nós em nossas batalhas e nos faz vitoriosos em meio às batalhas que não pelejamos.

O Salmo 46 foi escrito pelos filhos de Corá (embora seja composto por declarações do rei Ezequias mediante acontecimentos históricos), na época em que o exército assírio cercou Jerusalém. Os Salmos 46, 47 e 48 são hinos de louvor que celebram a vitória e o livramento de Deus sobre um grande inimigo.

O profeta que compôs este Salmo, enaltecendo um livramento singular concedido por Deus, exorta os fiéis a se entregarem confiadamente à sua proteção, e a não duvidarem da proteção e confiança no SENHOR, mesmo diante dos ataques de inimigos.

A ocasião que este Salmo foi escrito é quando Deus livra Jerusalém do ataque feroz de Senaqueribe rei dos assírios, durante o reinado de Ezequias. A grande ênfase deste salmo é sobre a presença do Senhor com seu povo e sobre como faz uma grande diferença confiar nele durante as transformações e as dificuldades da vida. O Salmo concentra-se no Senhor e em quem ele é para o povo que nele confia.

O PERFIL DO REI EZEQUIAS <2rs 18.1-8>.

Ezequias é achado como alguém que teme a Deus; confia no SENHOR; fazia o que era reto perante o SENHOR; devotou sua vida em adoração ao único e verdadeiro Deus; se apegou ao SENHOR, seguindo-O e guardando os seus mandamentos; e, o SENHOR era com ele.

SENAQUERIBE INVADE JUDÁ E AMEAÇA TOMAR JERUSALÉM <2rs 18.13-18>.

Senaqueribe, acompanhado de um grande exército e em busca de mais poder, invade todas as cidades fortificadas de Judá e as toma. Sua ganancia era tamanha que também peleja contra a capital de Judá, a cidade de Jerusalém. Nesta cidade havia sido construído o templo de Salomão e a Arca da Aliança estava localizada.

SENAQUERIBE AFRONTA A EZEQUIAS E AO SENHOR <2rs 18.19-37>.

A falta de temor de Senaqueribe o fazia ser arrogante e irreverente diante do Deus de Ezequias. Ele afronta Ezequias com palavras de desprezo, mas também, ataca ao próprio Deus de Ezequias com insultos e insubmissão. A postura de Ezequias diante do povo é de incentivo a confiarem em Deus, mesmo diante das afrontas recebidas.

EZEQUIAS CONSULTA O PROFETA ISAÍAS E ENVIA RESPOSTA A SENAQUERIBE <2rs 19.1-7>.

Diante desta afronta, o rei Ezequias se indignou e enviou seus líderes para consultarem o profeta Isaías, e questionarem se Deus teria ouvido todas as palavras de afronta que Rabsaqué proferiu ao Deus vivo. O profeta Isaías lhes transmite a reposta de Deus: Não temas...”.

SENAQUERIBE RESPONDE A EZEQUIAS <2rs 19.8-13>.

Senaqueribe recebe a resposta dos representantes do rei Ezequias de que confiaram no Deus vivo; então, Senaqueribe tenta desmotivá-los comparando o Seu Deus com os deuses dos povos que ele (Senaqueribe) havia destruído.

EZEQUIAS SE DIRIGE A DEUS EM ORAÇÃO <2rs 19.14-19>.

Neste momento, Ezequias transfere toda a afronta a Deus, pois é a Deus que estão afrontando. Ezequias se volta para Deus por meio da oração e clama ao SENHOR pedindo que o livre das mãos do inimigo, e que isso seja usado como referência para todos os reinos da terra saibam que só o SENHOR (יהוה Y ̂ehovah; Javé = “Aquele que existe”) é Deus (אלהים ’Elohiym; o verdadeiro Deus).

DEUS OUVE A ORAÇÃO DE EZEQUIAS <2rs 19.20-34>.

Deus responde a Ezequias por meio do profeta Isaías, Ele diz “... eu te ouvi” . Ele diz que todas as afrontas que Senaqueribe proferiu não foram contra Ezequias, mas “contra o Santo de Israel” .

DEUS, PELO SEU ANJO, DESTRÓI O EXÉRCITO ASSÍRIO <2rs 19.35-37>.

Deus se levanta com poder contra o exército assírio. Com apenas um Anjo ele destrói 185 mil soldados; e, Senaqueribe retira-se e volta para Nínive onde é morto por seus dois filhos.

Aqui também podemos ver o SENHOR pelejando pelo Seu povo. Ezequias não precisou levantar um grande exército para pelejar contra seus inimigos; bastou apenas confiar sua vida nas mãos de DEUS. Vale lembra que Ezequias era homem temente a Deus e fazia o que agradava o SENHOR, muito antes deste conflito. Ele não passou a ter uma vida de devoção a Deus mediante este conflito, muito pelo contrário; ele demonstrou sua confiança em Deus e esse conflito só provou que sua vida estava de fato, nas mãos de Deus.

 Ao conhecermos este contexto, podemos então, entender o Salmo 46. E mediante este contexto, nos deparamos com pelo menos três características que o salmista nos apresenta da pessoa de Deus.

  1. A PROTEÇÃO DE DEUS – nosso refúgio . Mesmo em meio às lutas e tribulações desta vida, em Deus encontramos abrigo.

  2. A PRESENÇA DE DEUS – socorro bem presente . O Deus que servimos continua conosco todos os dias de nossas vidas. Ele é o Emanuel – Deus conosco.

  3. A MAJESTADE DE DEUS – sou exaltado entre as nações e na terra . Esse mesmo Deus que nos protege e está presente em nós, é poderoso e majestoso. Seu nome é exaltado entre as nações e em toda a terra. “Os céus proclamam a glória de Deus, e o firmamento anuncia as obras das suas mãos” .CONCLUSÃO

Embora o mundo seja atormentado por sofrimentos devido à realidade do pecado, Deus está nos chamando para procurar refúgio no único local onde podemos verdadeiramente encontrar: SUA PRESENÇA.

“Aquietai-vos” quer dizer, literalmente: Descansem! Pelo fato de Ezequias e de seus líderes terem permitido que Deus fosse Deus, ele os livrou de seus inimigos.

Deus permite que fiquemos em apertos para que nossa fé cresça e ele seja exaltado. Muitas vezes nos gloriamos das coisas que somos capazes de fazer e não damos crédito algum a Deus, esquecendo que até mesmo de que foi Ele quem lhes deu o fôlego de vida.

Estamos diante de Deus em todo tempo de nossas vidas com uma postura de descanso por estarmos seguros em suas mãos. Amém!

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Fé inabalável | Salmo 125

O propósito deste salmo é, especificamente, apontar em que lugar aqueles que são fiéis ao seu Senhor, se encontram. Segundo o salmista, e...

Fiquem firmes | Efésios 6.14

Nesta passagem há um chamado importante para que venhamos nos vestir de toda a armadura de Deus; e o propósito disto não é apenas para no...

Sejam fortalecidos | Efésios 6.10

Tão certo como foi a nossa Queda em Adão, assim é a nossa restauração em Cristo Jesus. Ao escrever aos efésios, Paulo diz que tudo foi fe...

bottom of page